Pedido de Música

Preencha os campos abaixo para submeter seu pedido de música:

Celular bom e barato: guia traz opções atuais por até R$ 999 - Show de Alegria

Celular bom e barato: guia traz opções atuais por até R$ 999

Celulares bons e baratos, com recursos básicos e preços até R$ 999, ainda possuem um vasto mercado no Brasil. Esta é a faixa favorita de 30% dos consumidores, segundo uma pesquisa de 2020. Empresas do porte de Motorola, Philco, Realme, Samsung e Xiaomi estão de olho nesta clientela, como você pode observar na seleção a seguir.

Vale ressaltar que, nessa faixa de preço, é difícil encontrar aparelhos fenomenais, que possuam ficha técnica recheada de recursos, mas fomos criteriosos em nossa seleção. Existem alguns critérios importantes aos quais os consumidores devem ficar atentos antes de comprar um smartphone de entrada, como a disponibilidade de assistência técnica e de atualizações do sistema operacional.

Câmera dupla e bateria de grande duração são destaque no celular básico Galaxy A02 — Foto: Foto: Reprodução/Samsung

1. Realme C11 (R$ 728)

A Realme é uma fabricante chinesa de smartphones fundada em 2018. Apesar de pouco conhecida no país, a aposta da marca nos dispositivos intermediários conferiu à empresa, em 2021, o posto de 6ª maior em vendas de celulares no mundo com apenas três anos de existência. Smartphone de entrada da marca, o Realme C11 tem uma ficha técnica que deve suprir as necessidades básicas do cotidiano.

Realme C11 é o smartphone de entrada da marca — Foto: Divulgação/Realme

Realme C11 é o smartphone de entrada da marca — Foto: Divulgação/Realme

Lançado em agosto de 2021 no Brasil, o aparelho traz display de 6,52 polegadas, bateria de 5.000 mAh e câmera traseira de 8 MP e frontal de 5 MP – capazes de realizar vídeos em formato Full HD (1920 x 1080 pixels). O dispositivo conta com armazenamento limitado a apenas 32 GB, mas é possível expandi-lo via cartão microSD de até 256 GB.

O Realme C11 pode ser encontrado por valores a partir de R$ 728 na Amazon. Apesar do conjunto modesto, o aparelho é capaz de suprir às necessidades básicas do consumidor.

2. Philco Hit P10 (R$ 800)

Apesar de pouco conhecida no mundo dos smartphones, a Philco tem certa tradição de investir em celulares com bom custo-benefício. O Philco Hit P10 segue a mesma linha e é indicado principalmente para aqueles que gostam de acumular muitos arquivos. Isso porque o smartphone básico conta com generoso espaço de 128 GB de armazenamento.

Lançado em abril de 2021, o celular traz ainda processador Unisoc SC9863A e 4 GB de RAM para suportar as demandas básicas do dia a dia. A tela do celular da Philco tem 6,2 polegadas e utiliza painel IPS LCD.

Philco Hit P10 vem com 128 GB de armazenamento interno — Foto: Divulgação/Philco

Philco Hit P10 vem com 128 GB de armazenamento interno — Foto: Divulgação/Philco

O Philco Hit 10 128 GB é encontrado por preços a partir de R$ 800. O modelo vem acompanhado de acessórios como fone de ouvido, capa protetora e película de vidro. Na parte traseira, o smartphone traz um conjunto triplo de câmeras de até 13 MP. Na frontal, há a presença de um sensor de 8 MP para selfies e videochamadas.

3. Redmi 9A (R$ 849)

A Xiaomi ficou conhecida inicialmente pelo bom custo-benefício dos seus smartphones. Lançado em fevereiro de 2021 no Brasil, o Redmi 9A integra esta lista com uma telona de 6,53 polegadas e IPS LCD para reprodução de conteúdo, em especial os vídeos. Apesar de não ter sido feito para fotografias de alta qualidade, a câmera traseira de 13 MP e a frontal de 5 MP são suficientes para registros do cotidiano ou chamadas de vídeo.

Xiaomi Redmi 9A possui bateria de 5.000 mAh — Foto: Divulgação/Xiaomi

A bateria do celular da Xiaomi foi uma preocupação da empresa, que equipou o modelo com uma célula de 5.000 mAh de capacidade — o que deve ser o suficiente para dois dias longe da tomada.

O celular tem 32 GB de armazenamento com possibilidade de expansão via cartão microSD de até 512 GB. O Redmi 9A vem equipado com um processador Helio G25 de oito núcleos, da MediaTek. No varejo online é possível encontrá-lo por valores a partir de R$ 849.

4. Galaxy A02 (R$ 785)

O Galaxy A02 é o celular da Samsung que integra esta lista. Ele foi lançado em janeiro de 2021 e possui tela grande, de 6,5 polegadas, com resolução Full HD. A fabricante sul-coreana equipa o modelo com um processador MediaTek MT6739W com quatro núcleos, além de 3 GB de memória RAM e 32 GB de armazenamento, com possibilidade de expansão via cartão microSD de até 1 TB.

Galaxy A02 tem 6,5 polegadas e duas câmeras na traseira — Foto: Divulgação/Samsung

O celular dispõe de um conjunto duplo de câmeras na parte traseira, sendo o sensor principal de 13 MP e o secundário, de 2 MP, do tipo macro – para fotografias bem de perto. Para selfies, o celular da Samsung traz uma câmera de 5 MP. A ficha técnica inclui bateria de 5.000 mAh.

O dispositivo tem design discreto e bordas reduzidas, com um recorte na tela do tipo gota para acomodar a câmera frontal e o alto-falante. O Galaxy A02 é vendido por preços a partir de R$ 785.

5. Moto E7 Power (R$ 850)

Anunciado em fevereiro de 2021, o Moto E7 Power é o smartphone de entrada da Motorola com foco em durabilidade da bateria. O componente de 5.000 mAh tem promessa de dois dias longe da tomada, de acordo com a fabricante. Já a tela de respeito tem 6,5 polegadas.

Moto E7 Power possui tela de 6,5 polegadas — Foto: Divulgação/Motorola

Outros detalhes da ficha técnica são a presença do processador Helio G25, de oito núcleos, 2 GB de memória RAM e 32 GB de armazenamento. O conjunto de hardware é suficiente para as tarefas do dia a dia e acesso às redes sociais.

Na parte traseira do aparelho há um conjunto duplo de câmeras, cujo sensor principal tem 13 MP e o secundário, 2 MP. Na frente, a fabricante optou por uma câmera de 5 MP para selfies e reuniões de vídeo. Seus preços partem de R$ 850.

6. Moto E20 (R$ 800)

O Moto E20 foi lançado em março de 2021 no Brasil com bateria menor do que a do Moto E7, contando com 4.000 mAh – 1.000 mAh a menos. Em compensação, o processador T606 Unisoc de oito núcleos promete performance maior.

Moto E20 chegou ao Brasil por R$ 999 — Foto: Divulgação/Motorola

As especificações da câmera são parecidas com a do E7 Power: conjunto fotográfico duplo, cujo sensor principal tem 13 MP e o secundário 2 MP. Para a câmera frontal, há uma câmera de 5 MP. O destaque do modelo fica com a memória RAM de 4 GB. Já o armazenamento interno é de 32 GB. O dispositivo pode ser encontrado na por valores a partir de R$ 800.

Deixe seu comentário:

2020 © Show de Alegria. Todos os direitos reservados.